»  A lição dos chinos

A lição dos chinos

A lição dos chinos

 

Agosto de 2011, o Grupo Jovem (VYG) organizou uma viagem maravilhosa para o Thorpe Park. Éramos em 170. Aproveitamos um ótimo dia juntos, mas algo desagradável aconteceu bem na entrada do parque. Muitos dos jovens foram barrados e revistados pelos seguranças.

 

Por que? Por causa de sua aparência. Alguns rapazes e moças estavam usando blusas com capuz e cores escuras parecendo “maloqueiros”.  Me senti tão envergonhado. Enquanto vários visitantes entravam, eles olhavam em nossa direção como se fossemos marginais. Uma triste cena de se ver, especialmente para aqueles que sabem de onde somos e o que representamos.

 

Mas esse ano foi tudo muito diferente. Nós decidimos que todos iríamos uniformizados com a nossa camisa polo do Grupo Jovem e calças chinos coloridas. Dessa vez, éramos em 300 jovens!

 

E sabe o que aconteceu? Fomos recepcionados na porta pelo próprio gerente do parque, primeiramente porque ele estava impressionado com o nosso trabalho com os jovens;  e também pela causa da maneira que estávamos vestidos; aparentávamos ser pessoas alegres, inteligentes, animadas, organizadas, bem vestidas e o mais importante, nos destacávamos do resto.

 

A cada passo que dávamos, as pessoas paravam para nos olhar. Nossas camisas pólos brancas e nossas calças chinos coloridas fazia-nos destacar no meio da multidão.

 

E há uma lição de vida por detrás deste episódio.

 

Uma simples atitude de mudar a maneira de nos vestir, adicionando um pouco de cor, fez uma grande diferença.

 

Muitos dizem “Nunca julgue um livro pela sua capa,” mas nem sempre isto é o que realmente acontece.

 

Ousar fazer algo diferente pode ser um grande passo para muitos, e aí que está o desafio.

 

Quantas vezes você já não foi julgado e mal interpretado pela sua maneira de se vestir?

 

Quantas vezes você atraiu todos os olhares dos rapazes simplesmente porque estava usando algo provocativo ou uma roupa insinuante? Ou quantas vezes você foi barrado e revistado pela policia porque você estava parecendo um maloqueiro, gangster ou um trombadinha?

 

Não seria um grande passo abrir o seu armário e se livrar de todas as roupas que atraem certa negatividade para a sua vida e seu corpo?

 

Ouse mudar! Compre boas camisas, use pólos coloridas, amarre o seus cadarços, livre-se das cores escuras, das calças de cintura baixa, tire a quantidade exagerada de correntes e colares do seu corpo e tudo aquilo que faz você parecer como um traficante ou coisa do gênero.

 

Garotas, compre roupas confortáveis e não reveladoras, seja cuidadosa para não transformar o seu rosto em um livro de colorir. Maquiagem; use, mas não abuse.  Tentar parecer sexy à todo custo significa parecer fácil, barata, sem valor. Você não é sem valor. Bem, eu espero que não.

 

É hora de adotar um novo estilo na sua vida. E acredite em mim, todo mundo verá uma grande e notável diferença em você que inspirará outros a mudar também.

 

Se você quer saber mais a respeito do que o Victory Youth Group tem desenvolvido na Inglaterra, visite os links abaixo:

 

 

Web: http://www.victoryyouthgroup.co.uk

Siga-nos: http://www.twitter.com/vyguk

Curtam: http://www.facebook.com/victoryyouthgroup

Baixe nossas musicas: http://www.youtube.com/victoryyouthgroup

Assista-nos: http://www.youtube.com/victoryyouthgroup

 

Pastor Miguel Lacerda

Pastor Miguel Lacerda e sua esposa Ana Beatriz Lacerda – Responsável pelo VYG (grupo Jovem)

Todo grupo jovem reunido no parque.

Meninas do VYG – Londres

Post By Nanda Bezerra (760 Posts)

Cada mensagem desses posts, relatam experências vividas na fase de solteira e também atualmente, com o único propósito de as ajudar… Baseada também nessas experiências, escrevi o livro 40 Segredos que toda solteira deveria saber, aliás o recomendo para todas vocês com a certeza de que se esses posts as tem ajudado, o livro vai surpreender muito mais. Um beijo grande para todas, Nanda Bezerra

Website: → nandabezerra.com

Connect

Up